quinta-feira, 3 de maio de 2012

Calma.


A todos aqueles que hoje de manhã se cruzaram de carro comigo e que quase se mataram com tanta pressa  digo o seguinte:
Mais vale perderem um ou dois minutos do que perderem a vida.


Ai, onde é que isto vai parar assim?


2 comentários: